Resenha - O Sol é para todos, Harper Lee


Título: O Sol é para todos | Autor(a): Harper Lee | Editora: José Olympio | Ano de edição: 2006 | Páginas: 350 | Classificação: ⭐⭐⭐⭐ | Comprar: Amazon 

"O Sol é para todos" é um clássico que continua firme encantando a seus leitores, um livro magnífico que aborda o preconceito, injustiça e depressão. Acompanhamos tudo aos olhos de uma criança de 8 anos, Scout, e no decorrer da narrativa é notável o amadurecimento dos personagens.

“O Sol é para todos” fala sobre a vida no sul dos Estados Unidos nos anos 30 do século XX durante a grande depressão. A história cobre um período de três anos, durante as quais os personagens passam por mudanças significativas. Maycomb é uma cidade fictícia situada no Alabama. Cada família tem a sua posição social e todos são a continuação dos antepassados, cultivando os mesmos valores antiquados.

Atticus, o pai da Scout, é um advogado que tenta ser justo dentro e fora de casa, é muito bonito a relação que ele tem com os seus filhos, em uma sociedade tão preconceituosa, Atticus faz o seu melhor para não se tornar como eles. A leitura vai se tornando mais pesada devido ao Atticus, homem branco, defender Tom Robinson, um jovem negro que é acusado injustamente de estuprar uma branca.
ㅤㅤㅤ
É um livro muito bom, deveria ser obrigatório a leitura a todos, até mesmo para as crianças, a autora conseguiu transmitir uma mensagem muito importante sobre temas ao quais precisamos falar e aprender cada dia mais, há muito o que aprender com o Atticus e suas crianças!


Nenhum comentário:

Postar um comentário